Fórum de Governadores: deputado destaca temas de interesse do Piauí
07/02/2019 13h52

 


Aconteceu nesta quarta-feira (06), em Brasília, o Fórum de Governadores do Nordeste que discutiu propostas de interesse da região que serão defendidas junto aos parlamentares. E usando o tempo destinado aos pequenos avisos, o líder do Governo na Assembleia Legislativa do Estado, deputado Francisco Limma (PT) destacou alguns dos temas debatidos no Fórum.

Segundo ele, as matéria também precisam ser discutidas e debatidas pela Casa Estadual com o objetivo de oferecer ao Governo propostas de melhorias para o Estado.


“A reunião, que contou com a presença do Governador Wellington Dias (PT), tratou de temáticas importantes para o enfrentamento das dificuldades que os Estados estão vivenciando, uma delas está relacionado a questão da segurança pública. Os governadores avaliaram a proposta do Ministro da Justiça, Sérgio Moro, que aponta para um crescimento da pena com reclusão fechada para crimes violentos. Então isso traz uma discussão e também uma maior rigidez na punição desses crimes e nós precisamos discutir”, disse Limma.

Outro tema tratado pelos governadores, segundo o deputado, foi a questão da previdência na proposta do economista piauiense Raul Veloso que sugere a criação de um fundo que integre a União e os Governos Estaduais e que possa dar sustentação a médio e longo prazo a esses custos previdenciários. “Todo mês o Piauí tem que desembolsar do seu Tesouro mais de R$ 100 milhões para cobrir a Previdência. Imagine o que seria desse dinheiro se aplicado em obras importantes.Acho que essa Casa deveria inclusive requerer a presença de técnicos para que possamos apresentar alternativas de saídas para essa questão da Previdência”, completou Francisco Limma.



Maternidade
- O deputado estadual também destacou a obra da nova Maternidade está sendo implantada no Estado. Ele disse que, com o esforço do Governo e o apoio parlamentares como o deputado federal Assis Carvalho e deputada federal Iracema Portela, ela será a maior maternidade custeada com recursos do SUS e portanto vai ampliar a capacidade de atendimento no Estado.

 




Larissa Saldanha - Edição: Katya D'Angelles 

Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 Copyright © 2019 - Assembleia Legislativa do Piauí