Dr. Hélio requer iluminação para o Coqueiro em Luis Correia
01/07/2019 12h40

O deputado Dr. Hélio Oliveira (PR) cobrou, hoje (1), que a Prefeitura de Luis Correia adote providências para recuperar a iluminação pública das ruas do bairro Coqueiro. O parlamentar disse que, além da iluminação pública, as ruas e avenidas de Luis Correia e Parnaíba precisam de recuperação porque estão esburacadas.


Dr. Hélio Oliveira afirmou, no espaço destinado aos pequenos avisos da sessão plenária, que já solicitou ao Departamento Estadual de Estradas de Rodagem do Piauí (DER-PI) que faça a recuperação de rodovias situadas em Parnaíba e Luiz Correia, tendo em vista que milhares de turistas deverão se deslocar àquelas cidades do litoral do Estado para aproveitar o período de férias que começa hoje, dia primeiro de julho.

Em relação a ruas e avenidas das cidades litorâneas, Dr. Hélio Oliveira lembrou que as prefeituras municipais são responsáveis por adotar providências no sentido de que sejam recuperadas, pois muitas se encontram esburacadas devido as chuvas registradas durante o período chuvoso.

O deputado B. Sá (Progressistas) disse que participou, no último final de semana, do 17º Encontro de Folguedos de Pio IX, que teve o seu apoio. O deputado afirmou que tomou conhecimento de que a prefeita Regina Coeli está implantando o Projeto Borboleta visando melhorar o setor de educação do município.

B. Sá afirmou que o Projeto Borboleta é coordenado pela professora Ruthnéia Lima e já foi executado com pleno êxito em Teresina e na cidade de Oeiras e também será desenvolvido no município de Pio IX, contribuindo para melhorar e ampliar o número de crianças alfabetizadas.

O deputado Cícero Magalhães (PT) repercutiu declarações do presidente Jair Bolsonaro sobre a prisão do sargento da Aeronáutica que transportava 39 quilos de cocaína em avião presidencial para a Europa. Magalhães considerou grave o fato de Bolsonaro afirmar que sua mala foi vistoriada antes de embarcar em avião da Força Aérea Brasileira, enquanto o mesmo não ocorreu com o militar da Aeronáutica.

Cícero Magalhães disse que o Comando da Aeronáutica desmentiu a informação de que o sargento preso teria servido a três presidentes da República. Segundo ele, de acordo com a Aeronáutica, o sargento começou a servir os presidentes da República em 2016 e não em 2011, como teria sido divulgado.

J. Barros - Edição: Katy D'Angelles

Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 Copyright © 2019 - Assembleia Legislativa do Piauí