Alepi

A ASSEMBLEIA | GALERIA DE FOTOS | WEBMAIL | NOTÍCIAS | OUVIDORIA | Organograma |
26-05-20 18:16

Em vídeoconferência, CRC-PI confirma a dificuldade de micro e pequenas empresas de acesso a financiamentos

 

O deputado Severo Eulálio questionou as instituições presents sobre os gargalos que existem na concessão dos financiamentos para os micro e pequenos empreendedores.
“Porque eles não tem acesso a esses créditos? Temos que procurar identificar essas dificuldades, o que está acontecendo, onde é que estão essas falhas, os gargalos e corrigir isso. Temos que tornar nossa reunião mais objetiva. Temos que saber porque o dinheiro não está chegando a quem deveria, lá na ponta?”, questionou.
Micro e pequenos empreendedores são geradores de tributos
O deputado Franzé Silva discordou do superintendente do Sebrae-PI de que os pequenos e micro empreendedores não geram tributos, como as médias e grandes empresas. “A força motriz na geração de emprego é também na geração de impostos”.
Leis vão facilitar o acesso dos pequenos às linhas de crédito
Como encaminhamento o deputado Franzé Silva apresentou várias sugestões, “como a flexibilização das certidões estaduais e das licenças ambientais para a concessão de créditos, através da apresentação e da votação urgente de uma lei exequível neste sentido”.
Outros encaminhamentos:
Sem conta salário -  “É um dos encaminhamentos que deixamos aqui. Um dos focos nossos é a manutenção dos empregos. Podemos sugerir um projeto de lei para fazer esses créditos chegarem às empresas sem que esses pagamentos sejam feitos diretamente pelos bancos”.
Campanha na mídia sobre as linhas de crédito para pequenos negócios - “Que a gente possa trabalhar uma grande campanha publicitária para fazer  chegar essas informações para o público alvo. Fazer uma articulação com a CCom, Sebrae-PI, bancos, a nossa TV Assembleia com o Assembleia em Foco, para reprodução em todas as emissoras (fechadas). Essa campanha publicitária atingiria um público muito grande”, propôs.
Programa de Recuperação - “É preciso um programa de recuperação da economia do Piauí. Nós estamos falando muito da reabertura das atividades, da flexibilização do isolamento social, mas junto com isso é preciso trabalhar a criação da estrutura para a retomada dessa economia, da recuperação econômica, com participação das secretarias de Fazenda e de Desenvolvimento Econômico, Alepi, instituições financeiras”.
Grupo de Trabalho com participação da sociedade - “Propomos um grupo de trabalho para a criação de um Programa de Recuperação Econômica norteador das ações do modelo de desenvolvimento pós-pandemia. E que neste processo não estejam apenas as instituições governamentais, mas todos os setores da sociedade, os trabalhadores, as associações, ouvindo a todos”.
Antes de encerrar a videoconferência, o presidente da Frente Parlamentar, Georgiano Neto, elogiou a participação e os encaminhamentos propostos pelo deputado Franzé Silva. E também defendeu que a Frente Parlamentar possa estar à frente dessa retomada da economia no curto, médio e longo prazo. “É importante ouvir a sociedade que será a beneficiada com essas medidas. A Frente Parlamentar deu mais um importante passo, dentro da Assembleia Legislativa e como parte da sociedade piauiense, na defesa desse importante segmento da economia que são os micro e pequenos empreendedores”.  

Regina Pacheco, do Conselho Regional de Contabilidade do Piauí (CRC-PI), também participou do debate promovido pela Frente Parlamentar em Defesa das Micro e Pequenas Empresas do Piauí e confirmou a dificuldade do acesso ao crédito pelas pequenas empresas.

“Estamos auxiliando as empresas na obtenção de créditos junto a essas instituições. O Programa de Voluntariado Contábil também está à disposição para auxiliar os pequenos e micro empreendedores, sem cobrar nada”, ressaltou.

Regina agradeceu a Assembleia Legislativa pela inclusão do profissional contábil entre os serviços essenciais que podem atuar neste momento de isolamento social.

Severo que saber onde estão os gargalos

O deputado Severo Eulálio questionou as instituições presentes sobre os gargalos que existem na concessão dos financiamentos para os micro e pequenos empreendedores.“Porque eles não tem acesso a esses créditos? Temos que procurar identificar essas dificuldades, o que está acontecendo, onde é que estão essas falhas, os gargalos e corrigir isso. Temos que tornar nossa reunião mais objetiva. Temos que saber porque o dinheiro não está chegando a quem deveria, lá na ponta?”, questionou.

Micro e pequenos empreendedores são geradores de tributos

O deputado Franzé Silva discordou do superintendente do Sebrae-PI de que os pequenos e micro empreendedores não geram tributos, como as médias e grandes empresas. “A força motriz na geração de emprego é também na geração de impostos”.

Assessoria de Imprensa da Alepi - Edição: Katya D'Angelles

 



 



Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 
Copyright © 2013 - Assembleia Legislativa do Piauí