Projeto de Lei obriga realização de teste de glicemia em atendimento de urgência
28/07/2021 11h56

 

 
Lei obriga teste de glicemia em atendimento de urgência
A Assembleia Legislativa aprovou em sessão plenária realizada no início deste mês (06/07) o Projeto de Lei Ordinária 187/20 da deputada Teresa Britto (PV) que obriga a realização do teste de glicemia capilar no atendimento de emergência nas redes particular e pública de saúde no Estado do Piauí.
“Nós já temos visto várias situações onde os pacientes se agravam porque são diabéticos e não tem conhecimento disso. Ao chegar ao pronto-socorro, a primeira providência é colocar o soro glicosado e esse paciente se agrava muito. Para evitar qualquer intercorrência dessa natureza, essa lei obriga o estabelecimento a realizar o teste de glicemia e assim salvar muitas vidas”, disse ela.
Teresa Britto salienta que um grande número de casos ocorre em crianças que tem o diagnóstico mais difícil logo no início da vida, às vezes apenas com um ou dois meses de nascimento e a mãe não tem conhecimento, podendo ocorrer inclusive o óbito, se colocar o soro glicosado. “Então, nós vamos salvar vidas com essa lei”, resume ela.
O diabetes é uma doença crônica, que demanda tratamento para a vida toda, sendo caracterizada pelo excesso de glicose no sangue sendo causada pela falta de insulina ou pela falta da capacidade da insulina exercer seus efeitos de modo adequado. Ela aparece em dois tipos: 1, causada pela produção insuficiente de insulina pelo sangue, e o 2, adquirida ao longo da vida, em geral pela má alimentação e sedentarismo.
Durvalino Leal
 

A Assembleia Legislativa aprovou, em sessão plenária realizada antes do recesso de julho, o Projeto de Lei Ordinária 187/20, de autoria da deputada Teresa Britto (PV), que obriga a realização do teste de glicemia capilar no atendimento de emergência nas redes particular e pública de saúde no Estado do Piauí.


“Nós já temos visto várias situações onde os pacientes se agravam porque são diabéticos e não tem conhecimento disso. Ao chegar ao pronto-socorro, a primeira providência é colocar o soro glicosado e esse paciente se agrava muito. Para evitar qualquer intercorrência dessa natureza, essa lei obriga o estabelecimento a realizar o teste de glicemia e assim salvar muitas vidas”, argumenta.

Teresa Britto salienta que um grande número de casos ocorre em crianças que tem o diagnóstico mais difícil logo no início da vida, às vezes apenas com um ou dois meses de nascimento e a mãe não tem conhecimento, podendo ocorrer inclusive o óbito, se colocar o soro glicosado. “Então, nós vamos salvar vidas com essa lei”, acredita a deputada.

O diabetes é uma doença crônica, que demanda tratamento para a vida toda, sendo caracterizada pelo excesso de glicose no sangue sendo causada pela falta de insulina ou pela falta da capacidade da insulina exercer seus efeitos de modo adequado. A doença aparece em dois tipos: 1, causada pela produção insuficiente de insulina pelo sangue, e o 2, adquirida ao longo da vida, em geral pela má alimentação e sedentarismo.

Durvalino Leal - Edição: Katya D'Angelles

 

 

Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 Copyright © 2019 - Assembleia Legislativa do Piauí