Votação do Orçamento altera composição da Assembleia Legislativa
01/12/2021 12h21

 

Votação do Orçamento altera composição da Assembleia Legislativa
Os deputados Fábio Novo (PT), Fábio Xavier (PL), Hélio Isaías (Progressistas) e Janaínna Marques (PTB) deixaram os cargos que ocupavam no Executivo para retornar à Assembleia Legislativa e participar da votação do Orçamento do Estado o ano de 2022, estimado em R$ 14,6 bilhões. As exonerações a pedido foram publicadas no Diário Oficial dos dias 26, 29 e 30 de novembro e os parlamentares já devem participar da discussão da lei orçamentária.
O deputado Fábio Novo, que estava à frente da Secretaria de Estado da Cultura, anunciou o retorno ao Legislativo por meio de suas redes sociais. "Deixei a SECULT na sexta-feira (26) para acompanhar o orçamento em tramitação na Alepi por todo o mês de dezembro. É o momento de defender mais investimentos para os setores que acompanho, através do nosso mandato", disse.
O deputado Fábio Xavier deixou o cargo de secretário de Estado das Cidades, a deputada Janaínna Marques deixou a gestão da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) e o deputado Hélio Isaías abriu mão da gestão da Secretaria dos Transportes (Setrans). A mudança atinge os suplentes, deputado João de Deus (PT), deputada Elisângela Moura (PCdoB), deputada Belê Medeiros (Progressistas) e deputado Cícero Magalhães (PT).
Há expectativa de que o deputado Zé Santana (MDB), atual secretário de Estado da Assistência Social, Trabalho e Direitos Humanos, retorne à Casa também para acompanhar a tramitação da Lei Orçamentária Anual (LOA). De acordo com o cronograma de votação estabelecido pela Comissão de Fiscalização e Controle, Finanças e Tributação, os parlamentares têm até segunda-feira (06) para apresentar emendas à LOA.

 

 

 

Os deputados Fábio Novo (PT), Fábio Xavier (PL), Hélio Isaías (Progressistas) e Janaínna Marques (PTB) deixaram os cargos que ocupavam no Executivo para retornar à Assembleia Legislativa e participar da votação do Orçamento do Estado o ano de 2022, estimado em R$ 14,6 bilhões. As exonerações a pedido foram publicadas no Diário Oficial dos dias 26, 29 e 30 de novembro e os parlamentares já devem participar da discussão da lei orçamentária.

 

O deputado Fábio Novo, que estava à frente da Secretaria de Estado da Cultura, anunciou o retorno ao Legislativo por meio de suas redes sociais. "Deixei a Secult na sexta-feira (26) para acompanhar o orçamento em tramitação na Alepi por todo o mês de dezembro. É o momento de defender mais investimentos para os setores que acompanho, através do nosso mandato", disse.

O deputado Fábio Xavier deixou o cargo de secretário de Estado das Cidades, a deputada Janaínna Marques deixou a gestão da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) e o deputado Hélio Isaías abriu mão da gestão da Secretaria dos Transportes (Setrans). A mudança atinge os suplentes, deputado João de Deus (PT), deputada Elisângela Moura (PCdoB), deputada Belê Medeiros (Progressistas) e deputado Cícero Magalhães (PT).

 

A expectativa da Mesa é de que o deputado Zé Santana (MDB), atual secretário de Estado da Assistência Social, Trabalho e Direitos Humanos, retorne à Casa também ainda esta semana para acompanhar a tramitação da Lei Orçamentária Anual (LOA). De acordo com o cronograma de votação estabelecido pela Comissão de Fiscalização e Controle, Finanças e Tributação, os parlamentares têm até segunda-feira (06) para apresentar emendas à LOA.

 

 

 

 

Cristal Sá - Edição: Katya D'Angelles 

 

 

Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 Copyright © 2019 - Assembleia Legislativa do Piauí