Alepi

A ASSEMBLEIA | GALERIA DE FOTOS | WEBMAIL | NOTÍCIAS | OUVIDORIA | Organograma |
03-12-21 10:22

Fábio Novo vai propor mais investimentos para Cultura no Orçamento de 2022

Deputado estadual Fábio Novo (PT)

 

O deputado estadual Fábio Novo (PT) deixou a Secretaria de Cultura do Piauí (Secult) para acompanhar a Lei Orçamentária do Estado para 2022 durante o mês de dezembro na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi). A intenção do parlamentar é buscar mais investimentos para o setor da cultura, ampliar repasse para entidades sociais e enviar mais recursos para a melhoria do abastecimento de água.
Fábio Novo disse que o setor da cultura ainda padece com a pandemia e que o envio de recursos ajudará na minoração dos impactos. “É um setor que ainda sofre com a pandemia e, com essa nova variante, tem a perspectiva de a gente continuar com a área ainda fechada. É importante que a gente tenha mais investimento para que nossos artistas recebam recursos para a manutenção do setor. Começamos uma retomada, mas com a nova variante [Ômicron], existe um freio”.
Outra ação do parlamentar será para que a Assembleia aprove o projeto que amplia os valores dos repasses através de renúncia fiscal para entidades sociais que cuidam de crianças e idosos. O deputado apontou, ainda, que no estado há muitos locais com difícil acesso à água e que é importante o envio de verbas para a melhoria do abastecimento.
A volta do parlamentar à Alepi facilita o seu acompanhamento dos repasses a essas três áreas e permite que ele vote em comissões e no plenário.
Iury Parente - Edição: Katya D'Angelles

De volta ao parlamento estadual neste mês de dezembro, o deputado estadual Fábio Novo (PT) pretende aprovar mais recursos para investimentos para o setor da cultura, para entidades sociais e para a melhoria do abastecimento de água nas cidades. Fabio Novo deixou a Secretaria de Estado da Cultura (Secult) para acompanhar a tramitação e propor emendas à Lei Orçamentária do Estado para 2022.

Fábio Novo disse que o setor da cultura ainda padece com a pandemia e que o envio de recursos ajudará na minoração dos impactos. “É um setor que ainda sofre com a pandemia e, com essa nova variante, tem a perspectiva de a gente continuar com a área ainda fechada. É importante que a gente tenha mais investimento para que nossos artistas recebam recursos para a manutenção do setor. Começamos uma retomada, mas com a nova variante [Ômicron], existe um freio”.

Outra ação do parlamentar será para que a Assembleia aprove o projeto que amplia os valores dos repasses através de renúncia fiscal para entidades sociais que cuidam de crianças e idosos. O deputado apontou, ainda, que no estado há muitos locais com difícil acesso à água e que é importante o envio de verbas para a melhoria do abastecimento.

A volta do parlamentar à Alepi facilita o seu acompanhamento da aprovação das emendas para essas três áreas e permite que ele vote a proposta orçamentária em Plenário.o qued deve acontecer antes do recesso de final de ano, segundo exige o Regimento Interno da Alepi.

Iury Parente - Edição: Katya D'Angelles

 



 



Av. Mal. Castelo Branco, 201 - Cabral - Teresina/PI (86) 3133-3022 
Copyright © 2013 - Assembleia Legislativa do Piauí